Exportar registro bibliográfico

Será que vai deixar eu falar?: expectativas e experiências na assistência à violência de gênero (2017)

  • Autores:
  • Autor USP: BONIN, RENATA GRANUSSO - FM
  • Unidade: FM
  • Sigla do Departamento: MFT
  • Assuntos: ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE; VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER
  • Idioma: Português
  • Resumo: A violência de gênero contra a mulher é entendida neste trabalho como “qualquer ação ou omissão baseada no gênero que lhe cause morte, lesão, sofrimento físico, sexual ou psicológico e dano moral ou patrimonial” na esfera doméstica, no âmbito familiar e em qualquer relação de afeto, independente de orientação sexual1. Priorizou-se neste estudo a violência realizada por parceiro íntimo e por familiares devido sua magnitude nacional e internacional. Acontece com mulheres em todos os países, em todas as raças, classes sociais, religião, orientação e identidade sexual. A Atenção Primária à Saúde conta com o aspecto longitudinal do cuidado e da possibilidade de uma maior aproximação com o território. Assim, seria possível para as Unidades Básicas de Saúde detectar e abordar a situação de violência e servir como porta de entrada da rede de assistência especializada. Os objetivos desta pesquisa foram(a) compreender as expectativas das usuárias em abordar a situação de violência de gênero num equipamento de saúde, (b) Identificar como as usuárias avaliam a experiência do atendimento e (c) identificar atributos do profissional de saúde e do serviço considerados importantes pelas usuárias para contar sobre a violência sofrida. Trata-se de um estudo de abordagem qualitativa pautado na análise de conteúdo temática e fundamentado na perspectiva de gênero e saúde. Os dados foram coletados por entrevistas individuais semiestruturadas com seis mulheres envolvidas em situação de violência atendidas num posto de saúde. Foram realizadas 6 entrevistas com usuárias do CSEB que passaram pelo atendimento CONFAD nos últimos 5 anos. Por meio dos discursos das usuárias foi possível eleger duas categorias: expectativas e realidades. Nelas, foi possível observar atributos importantes relacionados à configuração do atendimento e à conduta do profissional CONFAD
  • Imprenta:

  • Download do texto completo

    Tipo Nome Link
    Versão PublicadaTCR Renata Granusso.pdfDirect link
    Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BONIN, Renata Granusso; D’OLIVEIRA, Ana Flávia P. L. Será que vai deixar eu falar?: expectativas e experiências na assistência à violência de gênero. [S.l: s.n.], 2017.
    • APA

      Bonin, R. G., & D’Oliveira, A. F. P. L. (2017). Será que vai deixar eu falar?: expectativas e experiências na assistência à violência de gênero. São Paulo.
    • NLM

      Bonin RG, D’Oliveira AFPL. Será que vai deixar eu falar?: expectativas e experiências na assistência à violência de gênero. 2017 ;
    • Vancouver

      Bonin RG, D’Oliveira AFPL. Será que vai deixar eu falar?: expectativas e experiências na assistência à violência de gênero. 2017 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Biblioteca Digital de Trabalhos Acadêmicos da Universidade de São Paulo     2012 - 2020