Exportar registro bibliográfico

Influência dos hábitos e outros fatores no desenvolvimento de câncer de colo retal (CCR) (2021)

  • Authors:
  • USP affiliated author: MARÇAL, CAROLINA VILLELA - FCF
  • School: FCF
  • Subjects: NEOPLASIAS; PREVENÇÃO DE DOENÇAS; AUTOCUIDADO
  • Language: Português
  • Abstract: INTRODUÇÃO: O câncer de colorretal (CCR) é a terceira neoplasia maligna mais comumente diagnosticada e a quarta principal causa de morte por câncer no mundo. Sua incidência difere devido a diversos fatores de risco, sendo alguns desses modificáveis, enquanto outros não. Dentro desse contexto e levando em consideração o impacto que alterações de hábitos e o rastreamento podem gerar na vida das pessoas, este trabalho tem como objetivo realizar uma revisão bibliográfica sobre as evidências sobre a influência que os hábitos e outros fatores têm no desenvolvimento de CCR e a importância do autocuidado. OBJETIVO: O presente trabalho teve como objetivo analisar e discutir a influência de fatores externos, com foco especial na alimentação, para o aparecimento de CCR, e além disso, levantar informações sobre a prevalência e o perfil da população com maior incidência. MATERIAL E MÉTODOS: Este trabalho teve como metodologia a revisão de literatura narrativa, por meio do levantamento de artigos acerca dos assuntos abordados, utilizando como fontes de informação artigos científicos publicados e outros documentos referentes ao tema que atenderem aos objetivos da presente pesquisa. RESULTADOS: Os artigos encontrados mostraram que: (i) a incidência de CCR varia amplamente, com gradientes distintos entre os níveis de IDH, variando consideravelmente por raça, sexo e idade, o que pode estar relacionada não apenas às distinções na exposição a fatores genéticos e ambientais, mas também às estratégias e acesso a triagem de detecção precoce e a adoção de um estilo de vida mais ocidental; chegando assim, ao parecer de que a incidência do CCR aumenta proporcionalmente à idade (≥ 50 anos), gênero masculino e em afrodescendentes, mas, no entanto, nos últimos anos, foi verificado um aumento na incidência de CCR em adultosjovens (abaixo dos 50 anos); (ii) o diagnóstico do CCR está sempre relacionado a realizacao de exames especificos, sendo o rastreamento utilizado clinicamente como uma triagem para detectar e remover as lesões precursoras de CCR, contribuindo substancialmente para as tendências decrescentes de incidência e mortalidade da doença nas últimas 2 décadas; (iii) Fatores de risco modificáveis, como a obesidade, sedentarismo, dietas próinflamatórias ricas em carne vermelha e alimentos processados e pobres em fibras, alta ingestão de alcool e hábito de fumar contribuem significativamente para o desenvolvimento de CCR; (iv) algunas síndromes genéticas autossomicas causada por mutações na linha germinativa de genes, como HNPCC, FAP, AFAP e MAP aumentam a probabilidade de desenvolver CCR na vida adulta e esses pacientes devem ser monitorados com frequencia para decteccao e remocao precoce das lesoes. Somado a esse fator não modificável, a presença de Diabetes de Mellitus, Colite Ulcerativa e Doença de Crohn também constituem as principais condições de alto risco para CCR; (v) além dos fatores que aumentam a probabilidade de desenvolvimento de CCR, existem também fatores de proteção para o desenvolvimento da doença, como uma dieta rica em fibra, o uso de probióticos para modulação da microbiota intestinal, suplementação de SCFAs e a utilização de anti-inflamatórios não esteroides, o que contribui positivamente para a proteção contra a doença. CONCLUSÃO: Diversos estudos apresentaram evidências científicas sobre fatores que contribuem para o desenvolvimento e prevenção de CCR. A identificação desses fatores podem salvar vidas, ficando evidente a importância de educar e encorajar as pessoas a fazerem os testes de rastreamento de rotina e adoção permanente de hábitos alimentares saudáveis e práticas de atividade física
  • Imprenta:

  • Download do texto completo

    Tipo Nome Link
    Versão Publicada3066144.pdfDirect link
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MARÇAL, Carolina Villela. Influência dos hábitos e outros fatores no desenvolvimento de câncer de colo retal (CCR). 2021. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) – Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2021. Disponível em: https://repositorio.usp.br/directbitstream/96f35683-5078-4077-a767-86b7d9c7df50/3066144.pdf. Acesso em: 01 jul. 2022.
    • APA

      Marçal, C. V. (2021). Influência dos hábitos e outros fatores no desenvolvimento de câncer de colo retal (CCR) (Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação). Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://repositorio.usp.br/directbitstream/96f35683-5078-4077-a767-86b7d9c7df50/3066144.pdf
    • NLM

      Marçal CV. Influência dos hábitos e outros fatores no desenvolvimento de câncer de colo retal (CCR) [Internet]. 2021 ;[citado 2022 jul. 01 ] Available from: https://repositorio.usp.br/directbitstream/96f35683-5078-4077-a767-86b7d9c7df50/3066144.pdf
    • Vancouver

      Marçal CV. Influência dos hábitos e outros fatores no desenvolvimento de câncer de colo retal (CCR) [Internet]. 2021 ;[citado 2022 jul. 01 ] Available from: https://repositorio.usp.br/directbitstream/96f35683-5078-4077-a767-86b7d9c7df50/3066144.pdf

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Academic Works of Universidade de São Paulo     2012 - 2022