Exportar registro bibliográfico

A importância da prática do cuidado farmacêutico e da educação em saúde na dispensação dos contraceptivos de emergência para a conscientização da mulher sobre os riscos envolvidos (2019)

  • Authors:
  • USP affiliated author: GALLO, GABRIELA - FCF
  • School: FCF
  • Subjects: DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSÍVEIS; EDUCAÇÃO EM SAÚDE; RISCO
  • Language: Português
  • Abstract: INTRODUÇÃO: A contracepção de emergência tem como objetivo prevenir gravidezes indesejadas e/ou não planejadas. É estimado que mais de 30% das gestações que acontecem por ano não ocorram de forma planejada, levando a uma grande quantidade de abortos de forma induzida e/ou clandestina. Além do aborto, a incidência de doenças sexualmente transmissíveis também é significativa. OBJETIVO: analisar a importância do cuidado farmacêutico na dispensação de métodos contraceptivos de emergência, para que a paciente tenha as informações necessárias sobre o método, a sua relação com as doenças sexualmente transmissíveis, em especial HIV para que sua capacidade de decisão esteja fundamentada em informação técnico-científica. MATERIAL E MÉTODOS: revisão narrativa da literatura foi realizada por meio da busca por artigos científicos presentes nas bases de dados PubMed, Scielo, Lilacs, Web of Science, sites governamentais, institucionais e fontes alternativas que condizem com o tema entre 2008 e 2019. Os artigos foram analisados de modo a identificar o cenário de uso da contracepção de emergência e a importância do cuidado farmacêutico para uso consciente. As palavras utilizadas para a busca dos artigos foram: emergency contraceptive pills, emergency pills, abortion, sexually transmitted disease, pharmaceutical attention e seus correspondentes em português e espanhol. RESULTADOS E DISCUSSÃO: A relação entre doenças sexualmente transmissíveis e o uso de contraceptivos de emergência ainda não é bem definida. As opiniões são divergentes, para alguns pesquisadores acredita-se que a facilidade na obtenção da CE pode causar mudanças no comportamento dos jovens, passando a utilizar esse método ao invés do contraceptivo de barreira, influenciando nas taxas de DST. Já outros autores acreditam que o método de contracepção de emergência não afeta o comportamento dos usuários em relação a saúde sexual e reprodutivaSobre o conhecimento do método, significativa parte da população relata já ter feito uso, porém, mostra não entender a função do mesmo integralmente. Uma parcela dessa população acredita que o método tem funções abortivas e relata não ter recebido assistência farmacêutica no momento da dispensação. Em relação aos profissionais, uma parcela significativa mostra não ter domínio do método, fornecendo informações incompletas e errôneas aos pacientes. Além dos pontos citados, foi possível notar intervenções culturais e políticas quanto a liberdade do uso do mesmo pelas mulheres. CONCLUSÃO: O conhecimento do farmacêutico sobre o método é insatisfatório, podendo transmitir informações 4 incorretas aos indivíduos. A realização de treinamentos de atualização e campanhas para os profissionais seria de grande importância para a dispensação com informações corretas, sanar as dúvidas dos indivíduos e demonstrar confiança ao paciente, podendo acarretar em melhoria da redução nos números de gravidezes indesejadas, possíveis abortos e garantir que os pacientes mantenham seus exames de rotina em dia, garantindo a segurança quanto a transmissão de DSTs
  • Imprenta:

  • Download do texto completo

    Tipo Nome Link
    Versão Publicada3051010.pdfDirect link
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GALLO, Gabriela. A importância da prática do cuidado farmacêutico e da educação em saúde na dispensação dos contraceptivos de emergência para a conscientização da mulher sobre os riscos envolvidos. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) – Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2019. Disponível em: https://repositorio.usp.br/directbitstream/9604bfda-4f50-40c3-8ab8-254fc3f59462/3051010.pdf. Acesso em: 25 set. 2022.
    • APA

      Gallo, G. (2019). A importância da prática do cuidado farmacêutico e da educação em saúde na dispensação dos contraceptivos de emergência para a conscientização da mulher sobre os riscos envolvidos (Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação). Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://repositorio.usp.br/directbitstream/9604bfda-4f50-40c3-8ab8-254fc3f59462/3051010.pdf
    • NLM

      Gallo G. A importância da prática do cuidado farmacêutico e da educação em saúde na dispensação dos contraceptivos de emergência para a conscientização da mulher sobre os riscos envolvidos [Internet]. 2019 ;[citado 2022 set. 25 ] Available from: https://repositorio.usp.br/directbitstream/9604bfda-4f50-40c3-8ab8-254fc3f59462/3051010.pdf
    • Vancouver

      Gallo G. A importância da prática do cuidado farmacêutico e da educação em saúde na dispensação dos contraceptivos de emergência para a conscientização da mulher sobre os riscos envolvidos [Internet]. 2019 ;[citado 2022 set. 25 ] Available from: https://repositorio.usp.br/directbitstream/9604bfda-4f50-40c3-8ab8-254fc3f59462/3051010.pdf

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Academic Works of Universidade de São Paulo     2012 - 2022