Exportar registro bibliográfico

Análise de agrupamento alimentar a partir das tabelas de composição nutricional da TBCA e da USDA e sua relação com a classificação do Guia Alimentar para a População Brasileira (2019)

  • Authors:
  • USP affiliated author: PASTORELLO, CLÁUDIA CRISTINA VIEIRA - FSP
  • School: FSP
  • Sigla do Departamento: HNT
  • Subjects: NUTRIÇÃO; COMPORTAMENTO ALIMENTAR; ALIMENTOS NATURAIS; NUTRIENTES; COMPOSIÇÃO DE ALIMENTOS; ESTATÍSTICA
  • Language: Português
  • Abstract: Em 2014, o novo guia alimentar da população brasileira (GAPB) trouxe os dez passos para uma alimentação saudável, onde recomendações alimentares foram propostas, em parte, por um novo agrupamento de alimentos, diferente da antiga pirâmide alimentar. Estes 4 grupos são os alimentos in natura ou minimamente processados; processados; ultraprocessados; e os ingredientes culinários. As recomendações focam na integralidade, origem e produção dos alimentos, respeitando cultura alimentar e regionalidades, e tirando do foco recomendações nutriente-centradas(1). A interpretação nutricional das recomendações do novo guia vai além da utilizada no anterior, atentando à diferença dos alimentos processados e ultraprocessados em relação aos alimentos in natura, e como o seu consumo excessivo é uma causa para a obesidade e o desenvolvimento de doenças crônicas não transmissíveis. Segundo estudos que avaliaram seu desempenho por parâmetros amplos, o guia brasileiro é o mais avançado conceitual e empiricamente (2,3), porém ainda não há um conjunto definido de regras que repliquem a sua classificação sem a interpretação humana treinada. Com isso, este trabalho parte da hipótese de que seja viável encontrar uma maneira de descrever a formação dos grupos a partir dos dados tradicionais da composição nutricional centesimal (CNC). Esse trabalho parte também da hipótese de que refinar grupos de alimentos é essencial para o manejo nutricional permitindo a equivalência entre alimentos ou preparações e sua substituição, características fundamentais para o trabalho do nutricionista. Também inclui uma comparação crítica com grupos do GAPB, além de traçar um paralelo com um agrupamento anterior, que foi utilizado da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) de 2008-2009(4). A CNC se mostrou um fator importante na classificação de ambos.
  • Imprenta:

  • Download do texto completo

    Tipo Nome Link
    Versão PublicadaClaudia Cristina Vieira P...Direct link
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PASTORELLO, Cláudia Cristina Vieira; CONDE, Wolney Lisboa. Análise de agrupamento alimentar a partir das tabelas de composição nutricional da TBCA e da USDA e sua relação com a classificação do Guia Alimentar para a População Brasileira. [S.l: s.n.], 2019.
    • APA

      Pastorello, C. C. V., & Conde, W. L. (2019). Análise de agrupamento alimentar a partir das tabelas de composição nutricional da TBCA e da USDA e sua relação com a classificação do Guia Alimentar para a População Brasileira. São Paulo.
    • NLM

      Pastorello CCV, Conde WL. Análise de agrupamento alimentar a partir das tabelas de composição nutricional da TBCA e da USDA e sua relação com a classificação do Guia Alimentar para a População Brasileira. 2019 ;
    • Vancouver

      Pastorello CCV, Conde WL. Análise de agrupamento alimentar a partir das tabelas de composição nutricional da TBCA e da USDA e sua relação com a classificação do Guia Alimentar para a População Brasileira. 2019 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Academic Works of Universidade de São Paulo     2012 - 2021