Exportar registro bibliográfico

Características nutricionais dos alimentos anunciados nos pequenos comércios com base na NOVA classificação de alimentos e no perfil nutricional da OPAS (2019)

  • Authors:
  • USP affiliated author: BATISTA, CAROLINA HATSUKO KIKUTA - FSP
  • School: FSP
  • Sigla do Departamento: HNT
  • Subjects: NUTRIÇÃO; ALIMENTOS INDUSTRIALIZADOS; COMPOSIÇÃO DE ALIMENTOS; ADITIVOS ALIMENTARES; PROPAGANDA; VAREJO; VALOR NUTRITIVO
  • Keywords: AMBIENTE ALIMENTAR; AMBIENTE ALIMENTAR DO CONSUMIDOR; ALEGAÇÕES DE PUBLICIDADE; ULTRAPROCESSADOS; NOVA CLASSIFICAÇÃO DE ALIMENTOS; PERFIL NUTRICIONAL
  • Language: Português
  • Abstract: Objetivo: Analisar a composição nutricional, lista de ingredientes, aditivos, preços e tipos de alegações de publicidade e propaganda dos alimentos ultraprocessados disponíveis no ambiente de varejo de alimentos na região metropolitana de São Paulo. Métodos: Trata-se de um estudo observacional de corte transversal utilizando dados secundários de uma auditoria realizada em supermercados localizados na região metropolitana de São Paulo e dados primários coletados online e de forma presencial também em supermercados. Foram coletadas informações sobre publicidade no ambiente alimentar do consumidor e nas embalagens dos alimentos processados e ultraprocessados, além de informações de preço, lista de ingredientes, composição nutricional e tamanho de porção. Todos os alimentos investigados foram agrupados segundo a NOVA classificação de alimentos. As publicidades dos alimentos foram categorizadas em 11 apelos ao consumidor. Foi calculado o preço médio dos grupos de alimentos estudados. A relação entre o tipo de apelo publicitário utilizado para divulgar o alimento processado com a composição nutricional do alimento foi analisada. Também foi realizada a comparação entre a composição nutricional atual do alimento divulgada na embalagem e as recomendações de açúcar, gordura satura e sódio da Organização Panamericana da Saúde (OPAS). Resultados: Do total de produtos ultraprocessados, aqueles de maiores prevalências no ambiente do consumidor foram os doces e as guloseimas (18,5%); bebidas açucaradas (15,7%), embutidos (12,0%) e os panificados (11,1%), totalizando 57,3% do total de alimentos ultraprocessados pesquisados. Percebe-se a alta disponibilidade de alimentos ultraprocessados nos pequenos mercados da região metropolitana de São Paulo, produtos de baixo valor nutricional, com grandes quantidades de açúcar, gorduras e sódio. Analisando as alegações publicitárias do ambiente dos alimentos ultraprocessadosas principais categorias encontradas foram aspectos sensoriais, alimentação saudável e atividade física, preço/promoções e brindes e qualidade. Na publicidade realizada nas embalagens, as principais categorias foram alimentação saudável e atividade física e aspectos sensoriais. Os alimentos classificados como altos em açúcares apresentaram maiores alegações de publicidade no ambiente relacionadas a aspectos sensoriais, assim como os alimentos altos em açúcar e gorduras saturadas e os altos em gorduras saturadas e/ou sódio. Em relação às publicidades apresentadas nas embalagens, os alimentos altos em açucares tiveram maior número de alegações relacionadas a alimentação saudável e atividade física, os altos em açúcar e gorduras saturadas, relacionadas a aspectos sensoriais e alimentação saudável e atividade física e os altos em sódio e/ou gorduras saturadas, tiveram maior publicidade nas embalagens relacionada a praticidade. Conclusão: Com este estudo foi possível observar a grande influência do marketing da indústria alimentícia no ambiente do consumidor, seja por alegações publicitárias nas embalagens ou no próprio espaço físico dos comércios varejistas. Identificar que a publicidade de alimentos ultraprocessados está atrelada a saúde e bem-estar, atividade física e aspectos sensoriais nos leva ao melhor entendimento dos fatores que influenciam a percepção do consumidor nos supermercados ou mercados. A divulgação de produtos que são ricos em açúcar, gordura saturada e sódio com apelos de saúde e bem-estar deveria ser melhor regulada pelos órgãos públicos no Brasil apoiando o consumidor a fazer escolhas mais saudáveis
  • Imprenta:

  • Download do texto completo

    Tipo Nome Link
    Versão PublicadaCarolina Hatsuko Kikuta B...Direct link
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BATISTA, Carolina Hatsuko Kikuta; BORGES, Camila Aparecida. Características nutricionais dos alimentos anunciados nos pequenos comércios com base na NOVA classificação de alimentos e no perfil nutricional da OPAS. [S.l: s.n.], 2019.
    • APA

      Batista, C. H. K., & Borges, C. A. (2019). Características nutricionais dos alimentos anunciados nos pequenos comércios com base na NOVA classificação de alimentos e no perfil nutricional da OPAS. São Paulo.
    • NLM

      Batista CHK, Borges CA. Características nutricionais dos alimentos anunciados nos pequenos comércios com base na NOVA classificação de alimentos e no perfil nutricional da OPAS. 2019 ;
    • Vancouver

      Batista CHK, Borges CA. Características nutricionais dos alimentos anunciados nos pequenos comércios com base na NOVA classificação de alimentos e no perfil nutricional da OPAS. 2019 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Academic Works of Universidade de São Paulo     2012 - 2020