Exportar registro bibliográfico

Comparação de consumíveis E7018-1 para soldagem em operação de dutos de aços ARBL (2019)

  • Authors:
  • USP affiliated author: SOLDERA, JOAO PEDRO PAZIAN MONTES - EP
  • School: EP
  • Sigla do Departamento: PMT
  • Subjects: SOLDAGEM A ARCO; AÇO; TUBULAÇÕES; DUTOS
  • Language: Português
  • Abstract: norma, foi possível notar a influência do resfriamento em ambos os fabricantes, porém, gerando respostas opostas entre eles, de forma que apenas o fabricante X reproduziu o comportamento observado na literatura.Tubulações e dutos fabricados em aços de alta resistência baixa liga (ARBL) podem, devido as suas condições operacionais, necessitar de reparos que sejam realizados enquanto o fluido passa pelo duto. Esse reparo, quando realizado por soldagem, é conhecido como soldagem em operação, e muitas vezes é realizado através de soldagem por eletrodo revestido. Os consumíveis utilizados para essas soldagens, tendo em vista o elevado risco presente na sua realização, demandam testes prévios para qualificação do eletrodo, realizados em ambiente seguro, de forma a analisar se as propriedades atingidas pelo metal de solda são suficientes para a aplicação. Porém, o fluido presente no duto pode gerar condições reais diferentes daquelas existentes durante a qualificação. O objetivo desse trabalho é avaliar a extensão do efeito do fluido nas propriedades mecânicas da junta soldada por eletrodos do tipo AWS E7018-1, analisando para isso ensaios mecânicos de tração, dobramento e impacto, e também avaliar a diferença de respostas de eletrodos de dois fabricantes distintos - aqui chamados de X e Y para fins de confidencialidade - a diferentes regimes de resfriamento. No ensaio de tração foi possível observar que, mesmo sob resfriamento, os cordões de solda atendem a especificação da norma AWS 5.1 quanto ao limite de resistência à tração, replicando o resultado observado na literatura, mas não atingem a propriedade normatizada quanto ao alongamento quando sob efeito de taxa de resfriamento mais acentuada. No ensaio de dobramento, a região soldada mostrou-se mais resistente que suas adjacências, principalmente nos corpos de prova submetidos a taxas de resfriamento superiores, que tiveram maior incidência de rompimentos, porém, sem que houvesse reprovação do ensaio de acordo com a norma. Já no ensaio de impacto, apesar de realizado fora da especificação apresentada em
  • Imprenta:

  • Download do texto completo

    Tipo Nome Link
    Versão PublicadaJoaoPedroPazianMontesSold...Direct link
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SOLDERA, João Pedro Pazian Montes; BRANDI, Sérgio Duarte. Comparação de consumíveis E7018-1 para soldagem em operação de dutos de aços ARBL. [S.l: s.n.], 2019.
    • APA

      Soldera, J. P. P. M., & Brandi, S. D. (2019). Comparação de consumíveis E7018-1 para soldagem em operação de dutos de aços ARBL. São Paulo.
    • NLM

      Soldera JPPM, Brandi SD. Comparação de consumíveis E7018-1 para soldagem em operação de dutos de aços ARBL. 2019 ;
    • Vancouver

      Soldera JPPM, Brandi SD. Comparação de consumíveis E7018-1 para soldagem em operação de dutos de aços ARBL. 2019 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Academic Works of Universidade de São Paulo     2012 - 2020