Exportar registro bibliográfico

Caracterização do padrão microestrutural de implante dentário fabricado por manufatura aditiva de liga Ti-6%AI-4%V (2019)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: KOBAYASHI, LETICIA MAYUMI - EP
  • Unidades: EP
  • Sigla do Departamento: PMT
  • Subjects: MANUFATURA; IMPLANTES DENTÁRIOS; TITÂNIO
  • Language: Português
  • Abstract: As ligas de titânio são materiais muito utilizados em larga escala desde a década de 1930, em aplicações de interesse como fins militares, aeronaves, mísseis e espaçonaves, devido à alta resistência mecânica e ao baixo peso específico do metal. Aplicações biomédicas envolvendo ligas de titânio iniciaram na década de 1960, destacando-se das demais ligas devido a sua alta biocompatibilidade. O uso de manufatura aditiva dessas ligas na área odontológica ocorreu apenas na década de 1980, porém a acessibilidade da técnica só foi possível nas décadas seguintes. As propriedades mecânicas de ligas Ti-6Al-4V estão relacionadas com a sua microestrutura. As principais variáveis para a mudança de microestrutura são a potência, a velocidade, o diâmetro do feixe de laser utilizado, tamanho das poças de fusão, distância entre as linhas de varredura (hatch spacing) e espessura da camada de pó. Um defeito resultante do processamento, considerado muito importante, é a densidade porosidade, que pode afetar na performance mecânica da liga, principalmente em condições de fadiga. A formação da fase martensita α’ ocorre em determinado histórico térmico de taxas de resfriamento, e, em manufatura aditiva, ocorre em condições de baixa densidade de energia, ou seja, resultante da potência do laser, hatch spacing, espessura da camada e da velocidade. Esta fase do titânio é característica pela formação de ripas finas e alinhadas, a 45º da direção de movimentação do laser. Na região longitudinal da fase martensita α’, paralela à direção de fabricação do material, há a possibilidade de ocorrência de crescimento epitaxial devido a refusão das camadas anteriores, dando continuidade ao crescimento de um grão alongado. As amostras analisadas foram de implantes odontológicos de liga Ti-6Al-4V, com enfoque na amostra que foiproduzida por uma estratégia de varredura de laser circunferencial. A ideia é investigar a sua microestrutura de modo que seja similar a resultados encontrados na literatura.
  • Imprenta:

  • Download do texto completo

    Tipo Nome Link
    Versão PublicadaLeticiaMayuniKobayashi - ...Direct link
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      KOBAYASHI, Letícia Mayumi; LANDGRAF, Fernando José Gomes. Caracterização do padrão microestrutural de implante dentário fabricado por manufatura aditiva de liga Ti-6%AI-4%V. [S.l: s.n.], 2019.
    • APA

      Kobayashi, L. M., & Landgraf, F. J. G. (2019). Caracterização do padrão microestrutural de implante dentário fabricado por manufatura aditiva de liga Ti-6%AI-4%V. São Paulo.
    • NLM

      Kobayashi LM, Landgraf FJG. Caracterização do padrão microestrutural de implante dentário fabricado por manufatura aditiva de liga Ti-6%AI-4%V. 2019 ;
    • Vancouver

      Kobayashi LM, Landgraf FJG. Caracterização do padrão microestrutural de implante dentário fabricado por manufatura aditiva de liga Ti-6%AI-4%V. 2019 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Academic Works of Universidade de São Paulo     2012 - 2020