Exportar registro bibliográfico

Estudo da corrosão de ligas de alumínio de alta resistência em diferentes concentrações de cloreto (2018)

  • Authors:
  • USP affiliated author: SOARES, HUMBERTO RODRIGUES - EP
  • School: EP
  • Sigla do Departamento: PMT
  • Subjects: CORROSÃO; LIGAS DE ALTA RESISTÊNCIA; CLORETO
  • Language: Português
  • Abstract: Ligas de alumínio de alta resistência são amplamente utilizadas na indústria aeroespacial devido à combinação de propriedades mecânicas com baixa densidade. Suas propriedades mecânicas superiores são devidas à presença de precipitados finamente distribuídos e coerentes com a matriz metálica, formados durante o tratamento de envelhecimento e compostos por elementos de liga como magnésio, cobre e zinco. Entretanto, partículas grosseiras de intermetálicos (IMs) também se formam durante a etapa de solidificação após fusão. Tais partículas apresentam composições diferentes e, portanto, atividade eletroquímica diferente em relação à matriz, tornando as ligas suscetíveis a formas localizadas de corrosão, como a corrosão por pites. Pites podem causar falhas catastróficas em componentes, mostrando-se uma das formas mais destrutivas de corrosão. Muitos aspectos do comportamento corrosivo dessas ligas ainda devem ser investigados. Este trabalho apresenta resultados do estudo sobre o comportamento de corrosão de ligas de alumínio de alta resistência (notadamente as ligas AA2024-T3 e AA7475-T651) em eletrólito com diferentes concentrações de íons cloreto. A investigação se deu pela combinação de técnicas de caracterização (Microscopia Óptica – MO e Microscopia Eletrônica de Varredura – MEV associada à Espectroscopia por Energia Dispersiva de Raios-X – EDS) com técnicas eletroquímicas convencionais (medida de Potencial de Circuito Aberto – OCP e Curvas de Polarização – PC). O estudo do comportamento local das ligas, relacionando comportamento eletroquímico e microestrutura, permitiu a validação de um arranjo experimental usando uma microcélula com capilar e gota livre. A microcélula foi desenvolvida para executar medidas eletroquímicas em áreas com dimensões milimétricas. Os resultados indicaram que aconcentração de íons cloreto influenciou nos valores dos potenciais de corrosão e de quebra do filme passivo e que a microcélula era sensível a mudança na microestrutura das ligas de alumínio de um ponto a outro da mesma amostra.
  • Imprenta:

  • Download do texto completo

    Tipo Nome Link
    Versão PublicadaHUMBERTO RODRIGUES SOARES...Direct link
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SOARES, Humberto Rodrigues. Estudo da corrosão de ligas de alumínio de alta resistência em diferentes concentrações de cloreto. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) – EPUSP, São Paulo, 2018. Disponível em: https://repositorio.usp.br/directbitstream/fb178658-f4fc-4af8-b3b4-86a63fc0cc95/HUMBERTO%20RODRIGUES%20SOARES_TF.pdf. Acesso em: 18 maio 2022.
    • APA

      Soares, H. R. (2018). Estudo da corrosão de ligas de alumínio de alta resistência em diferentes concentrações de cloreto (Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação). EPUSP, São Paulo. Recuperado de https://repositorio.usp.br/directbitstream/fb178658-f4fc-4af8-b3b4-86a63fc0cc95/HUMBERTO%20RODRIGUES%20SOARES_TF.pdf
    • NLM

      Soares HR. Estudo da corrosão de ligas de alumínio de alta resistência em diferentes concentrações de cloreto [Internet]. 2018 ;[citado 2022 maio 18 ] Available from: https://repositorio.usp.br/directbitstream/fb178658-f4fc-4af8-b3b4-86a63fc0cc95/HUMBERTO%20RODRIGUES%20SOARES_TF.pdf
    • Vancouver

      Soares HR. Estudo da corrosão de ligas de alumínio de alta resistência em diferentes concentrações de cloreto [Internet]. 2018 ;[citado 2022 maio 18 ] Available from: https://repositorio.usp.br/directbitstream/fb178658-f4fc-4af8-b3b4-86a63fc0cc95/HUMBERTO%20RODRIGUES%20SOARES_TF.pdf

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Academic Works of Universidade de São Paulo     2012 - 2022